terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

FLOR MORENA...




Flor Morena

x

Play
PLAY
  •    

Flor morena que manda no meu coração
Flor morena me tira dessa solidão
Flor morena que mora no meu jardim
Flor morena vê se tem pena de mim
Flor morena...(bis)

Mais um dia sem te ver sorrir
vai me fazer enlouquecer
porque já não sei pra onde ir
se eu não for com você

Flor morena não é rosa não
açucena ou margarida
com certeza é a mais formosa flor
que brotou em minha vida

Flor morena que manda no meu coração
Flor morena me tira dessa solidão
Flor morena que mora no meu jardim
Flor morena vê se tem pena de mim (bis) 

Ví na espera até ficar de bem 
despetalar minha paixão
primavera ví muchar também 
nem sequer um botão

Flor morena não é flor de liz 
é perfeita sem espinhos, 
feita pra enfeitar deixar feliz 
minha estrada meu caminho (bis)

A PRIMEIRA IMPRESSÃO...POR BERNARDO CELESTINO PIMENTEL...

          CONTO NOS DEDOS DE UMA DAS MÃOS, AS VEZES QUE ERREI NA MINHA PRIMEIRA IMPRESSÃO...
          VOCÊ NÃO TEM UMA SEGUNDA CHANCE DE DAR UMA BOA PRIMEIRA IMPRESSÃO...
          A PRIMEIRA IMPRESSÃO É TUDO...PARA UM HOMEM INTELIGENTE, ELA DIZ QUEM VOCÊ É...
               OUTRO PONTO A SER LEMBRADO, NA VERTENTE DOS RELACIONAMENTOS, É A MANEIRA COMO VOCÊ SOA...
               VOCÊ É O QUE VOCÊ SOA...
               O TIMBU É UM PREDADOR NATURAL DAS GALINHAS...TIMBU VÊ A GALINHA, PEGA , MATA E COME...
               NUMA PESQUISA NA ÁREA DE NEUROLINGUÍSTICA , NOS ESTADOS UNIDOS, PEGARAM UMA NINHADA DE FILHOTES DE TIMBU, E EM CADA UM PENDURARAM NO PESCOÇO UM PEQUENO GRAVADOR, QUE REPRODUZIA  UM PINTO PIANDO...
               PEGARAM ESTA NINHADA E COLOCARAM DIANTE DE UMA GALINHA NO CHOCO, COM OS GRAVADORES LIGADOS...
               AO ESCUTAR OS PIADOS DOS GRAVADORES, A GALINHA ABRIU AS ASAS E ACOLHEU A NINHADA DE TIMBUS, COMO SE ELES FOSSEM OS SEUS PINTOS...
               ENTÃO SE CONCLUIU:
OS FILHOTES ERAM TIMBUS...
ELES CHEIRAVAM A TIMBUS...
TINHAM A CARA DE TIMBUS,
MAS SOAVAM COMO PINTOS...
               NÃO PREVALECEU O QUE REALMENTE ELES ERAM...
               PREVALECEU COMO  ELES  SOARAM.

DESEJOS DE CARNAVAL...

A VIDA EM PROSA E VERSOS...


A vida do ser humano
É uma oferta divina,
Que tem início ao nascer
E o ciclo só termina
Quando a malfadada morte
Nosso viver elimina.
Carlos Aires
E são tantos os percalços
Que teremos que enfrentar
Desde a hora que se nasce
Até a vida findar
Que só mesmo nossos sonhos
Pra nos fazer caminhar.
Vera Aires
Os sonhos são proveitosos
No trajeto, com certeza,
Porém a vida prossegue
Sempre em total incerteza
Já que a morte muitas vezes
Vem atacar de surpresa.
Carlos Aires
Na vida e também na morte
Podemos tirar lição
Mas que fique aqui bem claro
Qual é minha opinião
Gosto de falar de vida
De morte, não gosto não.
Vera Aires
Respeito a alternativa
Mas em nosso itinerário
Falar das duas eu acho
Que é bastante necessário
Já que morte e vida fazem
Parte do mesmo cenário.
Carlos Aires
Pode ser primordial
Tenho que admitir
Mas não quero me deter
Nesse assunto por aqui
Falar de vida é melhor
Para a gente prosseguir.
Vera Aires
A vida é maravilhosa
Já a morte é detestável
Porém deixar de cita-la
Nesse versejar louvável
Não pode, pois no final,
Ela é sempre inevitável.
Carlos Aires
Se a morte é uma certeza
Não tem porque falar nela
Eu prefiro a incerteza
Dá vida que é tão bela
Com tristeza ou alegria
Minha escolha é sempre ela.
Vera Aires
A vida é uma passagem
Que se dá em curto espaço
Mas precisa coerência
Pra não fugir do compasso
Pois a morte oportunista
Só aguarda algum fracasso.
Carlos Aires
A vida é maravilhosa
Seja ela como for
Sua importância é imensa
Temos que dar seu valor
Já a morte trás consigo
Sempre sofrimento e dor.
Vera Aires
A vida é uma hipoteca
Para nos dar consistência,
Passaporte que conduz
Pela estrada da vivência
Já a morte nos transporta
Pra o final da existência.
Carlos Aires
A vida é sem garantia
A morte, única certeza,
Pensar nisso todo dia
Só me dá medo e tristeza
Quero é desfrutar dá dádiva
Contemplado a natureza.
Vera Aires
Tenho que admitir
Que a vida é fenomenal
Mas no decurso da mesma
A morte é tão natural
Pois, no conto do viver,
Coloca um ponto final.
Carlos Aires
Não me acostumo com a morte
Isso posso lhe afirmar
Embora saiba que um dia
Teremos que a enfrentar
Admiro mesmo a vida
E quero ela aproveitar.
Vera Aires
A vida só trás prazer
Para qualquer criatura!
A morte causa terror,
Desgosto e até tortura,
Apaga o lume da vida
E envia pra sepultura.
Carlos Aires
Morte e vida são assuntos
De importâncias iguais
Aqui tratamos das duas
Mantendo os ideais
Mas concordamos que a vida
Sempre é boa demais.

Vera Aires

O PRESENTE DA PRIMAVERA...POR BERNARDO CELESTINO PIMENTEL




              CHEGANDO DO INTERIOR...
CHEGANDO DO AGRESTE,ONDE FOI NÃO FOI , EU RETORNO PARA AJUNTAR PEDAÇOS, DE TUDO QUE JÁ FUI UM DIA...
               SAI AS 12H DE VOLTA,DEIXADO NA SAÍDA POR UMA TORÓ, UMA FORTE CHUVA, E TODAS AS PLANTAS GARGALHAVAM JUNTAS COM O MENINO QUE CARREGO DENTRO DE MIM...
               FAZIA DOIS MESES , DESDE OUTUBRO, QUE NÃO VISITAVA  A DE ONDE VIM...FIQUEI FELIZ, POR QUE A PRIMAVERA ME RESTITUIU EM DEZENAS A MAIS, O POUCO DO VERDE QUE EU SEMEEI,FAZENDO JARDINS,PARA O MEU PRÓPRIO POETA...
               ESTOU PRENHO DE VERDE...ESTOU PRENHO DE FLORES...TUDO O QUE PLANTEI FOI MULTIPLICADO EXAGERADAMENTE...
               HOJE SOU SENHOR DE UM BOSQUE...TENHO MILHARES DE FLORES...TENHO TODAS AS CORES DA NATUREZA...FIZ UM JARDIM E OS PÁSSAROS APLAUDIRAM, VIERAM DE UMA VEZ PARA MORAR, SEI O QUE É SINFONIA DE PARDAIS ANUNCIANDO O ALVORECER...
               ATUALMENTE NAMORO COM BOUQUET DE NOIVAS, COM PIPOCAS RÓSEAS, COM ALAMANDAS GIGANTES, AMARELAS, CASTANHAS,MUSSAENDRAS  DA JAMAICA, RÓSEAS, BRANCAS,VERMELHAS...OS BUGANVILES INVADIRAM A MINHA ALMA, JÁ MORO SOB ELES...VOLTARAM OS BEIJA FLORES, VOLTARAM A CERTEZA,A PROMESSA DE VIDA, POIS A VIDA AQUI SÓ E´RUIM QUANDO NÃO CHOVE NO CHÃO...
          APESAR DE TER IDO A GRAMADO, DE TER PASSADO UM MES EM PIRANGÍ, A NATUREZA NÃO ESQUECEU O AMOR QUE NÓS TEMOS...A DEVOÇÃO RECÍPROCA PELA PRIMAVERA...
          VOLTO E ME DEPARO, NO VERÃO, COM UM PRESENTE DA PRIMAVERA...SOU FELIZ.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

POR QUE?...POR BERNARDO CELESTINO PIMENTEL



         DIARIAMENTE sou lido por 500 leitores...este blog não se destina a ganhar dinheiro...não se destina a paparicar ninguém...nem é amante dos fáceis elogios, interesseiros...
          Escrevo para sonhar...
          escrevo para desintoxicar o espírito...
          escrevo para tirar  um pouco da angústia que suja os homens...
          Tenho certeza que as pessoas que me leem acreditam na minha verdade, que é a mais justa...
          sabem que escrevo o que sinto, o que prego e o que faço...
          Tenho os meus defeitos...
          De perto ninguém é normal...
chego a me assustar com as minhas falhas, alguns atos, pensamentos e omissões...mas meus pecados são veniais...
          ainda hoje, quando me lembro que as minhas mãos já se ocuparam de esmagar, de torturar,
o meu coração fecha os olhos, e sinceramente chora...
          Dói-me o ridículo das pequenas coisas...
          As vezes encaro o horizonte, vejo os múltiplos caminhos,perco a minha bússola, esqueço a minha trena,não sei nem como seguir, mas de imediato identifico que não vou por aí...aprendi a rejeitar o que eu não quero, mesmo quando esqueço o que quero...
          Sou um ourives da poesia, da verdade, da palavra, da surpresa...
insisto na vida em polir o ouro...
cato relíquias nas vidas e nos espíritos...
          a minha ideia fixa é me paralisar diante do belo...
          e o que me faz ajoelhar são os reflexos de Deus...